Aprovado o primeiro registro de Doutor no âmbito do CRA-PA

Aprovado o primeiro registro de Doutor no âmbito do CRA-PA

O Conselho Regional de Administração do Pará recebeu o primeiro pedido de registro de Doutor em Administração. O requerimento de inscrição foi formulado pela professora-doutora Maria Betânia de Carvalho Fidalgo Arroyo.

A Câmara de Formação Profissional do CFA, emitiu parecer favorável, considerando a correlação da área de concentração do curso de Doutorado em Administração (CAPES nº 15004015005D4), oferecido pela Universidade da Amazônia, com a Administração, o qual é reconhecido e recomendado pela CAPES, seus respectivos egressos podem obter registro profissional em CRA, em conformidade com a Resolução Normativa CFA nº 512, de 14 de junho de 2017.

Por consequência, a requerente obterá a Carteira de Identidade Profissional na cor verde, com o título de Doutora em Administração e área de atuação profissional circunscrita a “Estratégia”.

Betânia Fidalgo é Reitora da Universidade da Amazônia, diretora do Grupo Ser Educacional, presidente do Conselho Estadual de Educação do Pará e foi eleita nesta terça-feira, dia 7 de julho de 2020, para a Academia Paraense de Letras, onde vai ocupar a cadeira 02.

O presidente do Conselho, Adm. Fábio Lúcio de Souza Costa, afirma que o currículo da nova imortal fala por si só. “A acadêmica eleita tem um currículo elogiável, além de ser doutorada por uma grande escola de gestão”, pontuou.

O CRA-PA parabeniza Betânia Fidalgo pela eleição como a nova imortal da APL e congratula-se por ser a primeira doutora a obter o registro no estado do Pará.